Sexta-feira, 24 de Fevereiro de 2006
Gil Vicente X Boavista - Antevisão

antevisao2.jpg

Equipas prováveis: prefix = o ns = "urn:schemas-microsoft-com:office:office" />


Gil Vicente  – Paulo Jorge; João Pereira, Gregory, Rovérsio e João Pedro; Nandinho, Bruno Tiago, Gouveia e Carlitos; Carlos Carneiro e Mateus


Treinador: Ulisses Morais


Outros convocados: Jorge Baptista, Braima, Luís Tinoco, Elias, Luís Coentão, João Vilela, Rivan e Rodolfo Lima 


Boavista – William; Manuel José, Hélder Rosário, Cadú e Areias; Paulo Sousa, Tiago e Lucas; João Pinto; Paulo Jorge e Zé Manel


Treinador: Carlos Brito


Outros convocados: Khadim, Cissé, Rui Duarte, Essame, Diego Figueredo, Diogo Valente, Fary e Tomas Oravec


             Dentro de algumas horas, o Boavista entra em campo, no Estádio Cidade de Barcelos, para defrontar o Gil Vicente, na tentativa de conseguir a sua sétima vitória consecutiva para a Liga. Recorde-se que, caso tal desidrato seja concretizado, o BFC iguala, embora provisoriamente, o Sp. Braga no terceiro lugar do campeonato (o qual dá acesso à 3.º pré-eliminatória da Liga dos Campeões) e ultrapassa Benfica e Nacional. Aliás, os bracarenses são, precisamente, os adversários dos “axadrezados” na próxima jornada.


            No entanto, não prevê tarefa fácil para a “Pantera”, visto que joga em casa de uma formação que, nos últimos dois encontros disputados no seu reduto, marcou nove golos, somando duas vitórias.


            Para o duelo de hoje à noite, Carlos Brito deverá manter a estrutura que tem apresentado nos recentes encontros jogados fora do Estádio do Bessa Século XXI. A ausência de Ricardo Silva marcará a única alteração significa que, em princípio, o timoneiro “axadrezado” fará, entrando Hélder Rosário para o centro da defesa. De resto, o 4-3-1-2 deverá ser a táctica utilizada, com um ataque móvel e rápido – a dupla Zé Manel – Paulo Jorge voltará a ser escolhida em mais uma partida fora de casa – e com João Pinto nas “costas”, tendo liberdade de acção e podendo, em algumas situações de jogo, aparecer, vindo de trás, no interior da grande área (quer na sequência de rápidas triangulações ou passes a “rasgar” que solicitem o internacional português, quer em lances de bola parada). No meio-campo, Paulo Sousa e Lucas serão os transportadores de jogo, funcionando como dois “box-to-box” (principalmente Lucas), e Tiago será o elemento mais recuado, podendo ter de assumir, quando o Gil Vicente tiver a iniciativa ofensiva, o papel de terceiro central ou de médio de marcação, visto que os gilistas deverão apresentar uma frente de ataque com dois avançados (Carlos Carneiro, mais fixo, e Mateus no apoio), auxiliados por dois extremos (Carlitos e Nandinho). Todavia, a função de terceiro central poderá ser desempenhada (na eventualidade de o Gil Vicente, em algumas fases da partida, conseguir encurtar os espaços ao Boavista e pressionar os “axadrezados” mesmo à saída da sua grande área) por Areias, ficando Lucas ou o próprio Zé Manel com a tarefa de fechar o flanco esquerdo.


 


            Quanto ao Gil Vicente, Ulisses Morais deverá apostar num 4-4-2, com, como já foi referido, dois extremos e um avançado bastante móvel (Mateus) no apoio ao ponta-de-lança. Toda essa estrutura, no sector ofensivo, deverá ser “suportada” por um duo no meio-campo (Bruno Tiago e Gouveia), dois médios com capacidade para recuperar bolas e de as distribuir, com qualidade, para zonas mais adiantadas no terreno. De destacar, também, a “nuance” de, no flanco direito, Nandinho e João Pereira (que aparece escalonado como lateral-direito) poderem, em algumas situações, revezar-se em termos posicionais.


            Todavia, não é de descurar a possibilidade de o Gil Vicente se apresentar num esquema de 4-3-3 (para procurar fazer face ao consistente meio-campo do Boavista), com a inclusão de mais um centrocampista (Elias), a passagem de Mateus para o lado canhoto do ataque e saída de Carlitos do “onze”.


 


            Num encontro que constituirá uma verdadeira “prova de fogo” à, até agora, fantástica carreira do Boavista na segunda volta, o domínio das operações a meio-campo será, obviamente, um factor de extrema importância. Será fulcral que os “axadrezados” mantenham a mesma consistência e coesão nas linhas defensiva e média (que têm sido características bem patentes no BFC mais recente, sobretudo nos jogos fora), apesar da ausência (“de peso”) de Ricardo Silva (um dos esteios do sector defensivo boavisteiro nesta série de sete triunfos seguidos) e da eficácia ofensiva barcelense (com especial ênfase, como Carlos Brito mencionou, para os lances de bola parada, um dos “calcanhares de Aquiles” do Boavista nos últimos dois anos). Além disso, quando tiver a posse de bola, o Boavista tem mostrar a mesma inteligência e segurança na sua gestão, recorrendo a triangulações rápidas, aberturas e diagonais por parte de jogadores como Zé Manel ou Paulo Jorge, de modo a criar ocasiões de perigo. Igualmente, os dois laterais serão duas peças-chave no jogo “axadrezado”: terão de saber fechar os respectivos flancos, evitando que o Gil Vicente (que possui extremos rápidos e evoluídos tecnicamente e um lateral-direito – João Pereira – com bastante propensão atacante) possa criar espaços de penetração pelas alas, e, também, deverão auxiliar, sempre que possível, a equipa nos seu processo ofensivo, permitindo, assim, que Zé Manel e Paulo Jorge possam flectir para zonas mais interiores, com diagonais.


 


            Para terminar, seria importante uma boa presença de boavisteiros no Estádio Cidade de Barcelos, a fim de apoiar a nossa equipa na sua difícil tarefa de manter a senda vitoriosa a Liga e, assim, ficar ainda mais próxima dos lugares cimeiros da tabela classificativa. FORÇA BOAVISTA!!!



publicado por pjmcs às 16:24
link do post | comentar | favorito

Próximos Jogos

Sp. CovilhãxBoavista

(25/01; 16:00) - 15.ª Jornada

artigos recentes

Boavista FC 2 - 0 Estoril

Santa Clara 3 - Boavista ...

Boavista FC 2 - 0 U. Leir...

SC Freamunde 2 - 0 Boavis...

Boavista FC 1 – 2 SC Beir...

BOAVISTA FC 0 - 2 GUIMARÃ...

Feirense 2 - 0 Boavista F...

Boavista FC 1 - 0 Oliveir...

BOAVISTA FC 1 - 0 LOUSADA

Boavista FC 1 - 1 D. Aves

Imagens Recebidas
Galeria de Imagens
arquivos

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Abril 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Dezembro 2004

Novembro 2004

Outubro 2004

Setembro 2004

Agosto 2004

Julho 2004

Junho 2004

Maio 2004

Abril 2004

Março 2004

Fevereiro 2004

Janeiro 2004

ligações
pesquisar