Sábado, 2 de Julho de 2005
Uma apresentação com a Europa no horizonte

im1.jpg Hoje ao final da manhã, o Boavista apresentou o seu plantel versão 2005/2006 para o futebol profissional, num ambiente de grande confiança entre as hostes "axadrezadas" (prova disso mesmo foi o facto de o nível 1 da Bancada Poente ter estado bem composto de sócios do BFC). Na cerimónia, que teve como anfitrião o actor António Reis, após o Dr. João Loureiro, ladeado pelo administrador da SAD Dr. Carlos Pissara e pelo Presidente Adjunto do clube, o Inspector Manuel Tavares Rijo, ter subido ao relvado ao som do hino do BFC, os jogadores do novo plantel do Boavista foram apresentados um a um, com William, o mais experiente futebolista "axadrezado" e com mais anos de Boavista, a abrir as "hostilidades" e João Pinto, cuja continuidade no plantel foi confirmada ontem, a fechar. Aliás, o criativo foi o jogador mais aplaudido. Zé Manel, Éder e Jocivalter (que ouviu o seu nome ser entoado, durante breves instantes, por alguns boavisteiros presentes no estádio) também mereceram palmas bastante ruidosas por parte da massa associativa. António Costa (preparador-físico), Lúcio Pereira e Pedro Barny (treinadores-adjuntos) também foram chamados, com o último, que orientou o Boavista nas três últimas jornadas da pretérita edição da Superliga, a receber uma saudação especial dos adeptos "axadrezados". No entanto, a maior ovação foi para Carlos Brito, treinador no qual os boavisteiros depositam grandes esperanças.

Depois de Carlos Brito ter sido rodeado de fotógrafos, que procuram obter o melhor plano do novo treinador do BFC, iniciaram-se os discursos. O primeiro orador foi o representante do Montepio Geral (patrocinador oficial do BFC), que deu conta do desejo de que o Boavista cumpra os seus objectivos nesta temporada, além de destacar o facto de a parceria do MG com o BFC ser de sucesso. De seguida, foi a vez de Carlos Brito falar. O técnico portuense começou a sua intervenção referindo-se ao carinho especial que sempre nutriu pelo Boavista, afirmando que estava extremamente contente por regressar ao clube que abandonou há 18 anos, na altura em que era jogador profissional de futebol. Pediu também apoio aos associados e simpatizantes do BFC principalmente quando a equipa estiver a atravessar fases mais complicadas. Assumiu, de forma clara e frontal, o objectivo traçado para 2005/2006: o apuramento para as competições europeias. O presidente do BFC e da SAD "axadrezada" foi o último a discursar, agradecendo a forma como os boavisteiros que compareceram no Estádio do Bessa Século XXI receberam o plantel e a equipa técnica. Continuou, dando um ênfase especial aos adeptos: realçou que a unidade de todos os boavisteiros com a equipa técnica e o plantel tornará o Boavista muito mais forte e capaz de atingir as metas delineadas. Para o Dr. João Loureiro, foi o apoio incondicional dos sócios e simpatizantes do BFC que permitiu, no passado recente, almejar o feitos como o título nacional e as presenças na Liga dos Campeões. O presidente do BFC concluiu enaltecendo a qualidade do plantel, composto pela maior parte da equipa da temporada passada (com jogadores que, sendo praticamente desconhecidos à partida, se afirmaram com a camisola axadrezada) e por "5 contratações cirúrgicas" (além de Steven, Igor, Jocivalter, Nélson Santos, Hugo Monteiro e Paulo Gomes, futebolistas que estiveram emprestados), orientado por um treinador extremamente competente. Loureiro também assumiu o objectivo Europa, acrescentando que, esta época, o Boavista tem equipa para se bater com qualquer formação, apesar de não ter a obrigação de vencer todos os jogos.


Faço minhas as palavras com que António Reis encerrou a cerminónia: "A direcção acredita, a equipa técnica acredita, os jogadores acreditam e nós... também acreditamos. VIVA O BOAVISTA!!!".


Eis o plantel profissional que, para já, seguirá amanhã para estágio (em Melgaço).


Guarda-redes: William Andem, Khadim, Carlos


Defesas-centrais: Cadú, Hélder Rosário e Éder


Laterais-direitos: Nelson e Steven (esteve emprestado ao Paredes)


Laterais-esquerdos: Carlos Fernandes e Igor (esteve emprestado à União de Lamas)


Médios-defensivos: Tiago e Kalifa Cissé (ex-Estoril; também pode jogar a defesa-central)


Médios-centro: Lucas, André Barreto e Essame (ex-Sportivo Luqueño)


Médios-ofensivos: João Pinto e Jocivalter (esteve emprestado ao Varzim até Fevereiro)


Médios-ala: Diogo Valente, José Manuel, Guga, Manuel José (ex-Vit. Setúbal; também pode jogar a defesa-direito e a médio interior direito), Paulo Jorge (ex-Maia; também pode jogar a defesa-direito) e Hugo Monteiro (esteve emprestado à União de Lamas)


Pontas-de-lança: Cafú (também pode jogar a médio-ala), Fary, William Souza (ex-Santos) e Paulo Gomes (esteve emprestado ao Varzim)


 


                                            im8.jpg im7.jpgim6.jpg im5.jpgim2.jpg im3.jpgim4.jpg



publicado por pjmcs às 17:57
link do post | comentar | favorito

2 comentários:
De Anónimo a 3 de Julho de 2005 às 20:49
Grande reportagem! Muito fixe! Obrigado! :)PanteraNegra
</a>
(mailto:PanteraNegra@campeoes.com)


De Anónimo a 2 de Julho de 2005 às 19:52
Obrigado pela informação e pela rapidez, afinal a apresentação foi hoje antes do almoço. Sem duvida alguma é uma equipa com muito valor, espero que a sorte seja porpocional ao trabalho e talento de todos os que fazem parte deste Boavista 2005/06.
BOAVIIIIIIIIISTA.Bruno
</a>
(mailto:casali@sapo.pt)


comentar artigo