Domingo, 31 de Outubro de 2004
Próximo Jogo
Boavista FC X FC Penafiel - Sábado, 6 de Novembro de 2004, às 21h 30min.
Estádio do Bessa Século XXI.

O Boavista, moralizado pela grande vitória no Restelo, vai procurar regressar aos triunfos em casa, algo que apenas conseguiu por uma vez, frente ao Nacional. O adversário é o Penafiel que tentará recuperar após três derrotas consecutivas.


publicado por pjmcs às 21:46
link do post | comentar | favorito
|

Belenenses 1 - Boavista 2

Belenenses: Marco Aurélio; Amaral, Rolando, Pelé e Cristiano; Andersson, Rúben Amorim (Tuck, aos 87min) e José Pedro; Juninho Petrolina, Antchouet e Brasília (Rodolfo Lima, aos 74min)


Treinador: Carlos Carvalhal


Boavista - Khadim; Cadú, Éder e Carlos Fernandes (Jorge Silva aos 77min); Frechaut, Tiago e André Barreto (Milhazes, ao intervalo); Martelinho, Toñito (Cafú, ao intervalo) e José Manuel; João Pinto


Treinador: Jaime Pacheco


O Boavista averbou mais uma grande vitória fora de casa, desta feita diante do Belenenses. Jaime Pacheco apostou num 3-4-3, com Toñito a assumir o papel de organizador de jogo e Zé Manel e Martelinho encarregados de preencher os dois flancos. Frechaut auxiliava, por vezes, no lado direito, à semelhança de Tiago. O BFC não podia ter entrado melhor no encontro, inaugurando o marcador logo aos 6min, na sequência de uma excelente jogada: João Pinto fez a abertura para Frechaut, que, dentro da grande área, cruzou para o portentoso remate de primeira de André Barreto. Todavia, o tento não tranquilizou a equipa "axadrezada", que acabou por sofrer, poucos minutos depois, o empate num lance de contra-ataque. Sobre a primeira parte, é importante referir que foi muito bem disputada, com bom futebol de ambas as partes, com destaque para uma perdida de Zé Manel diante de Marco Aurélio. O intervalo chegava com uma igualdade justa, mas uma possível vantagem boavisteira não escandalizaria. No segundo tempo, manteve-se o equilíbrio até à expulsão de José Pedro. Destaque para a muito boa actuação de Martelinho. A partir daí, o Boavista, agora com João Pinto como organizador de jogo, atrás de Cafú, assumiu o controlo da partida. O Belenenses defendia com toda a equipa atrás da linha da bola, procurando lançar alguns contra-ataques. O BFC tentou fazer a circulação de bola e Cafú, após passe de JVP, perante Marco Aurélio não conseguiu fazer o 1-2. Com a entrada de Jorge Silva para o lugar de Carlos Fernandes, passando Milhazes para lateral-esquerdo, o BFC passou a jogar de forma mais directa, chegando mesmo ao golo, quase no "cair do pano": arrancada de Zé Manel pela esquerda, Marco Aurélio desvia o cruzamento e Tiago, à entrada da área, dispara para o golo da vitória. Vitória justa do Boavista num excelente espectáculo de futebol, mostrando maior organização no ataque e protagonizando algumas jogadas de envolivmento ofensivo de grande qualidade. Esperamos que, a jogar em casa, o BFC mantenha a mesma tendência positiva envidenciada nos encontros fora de portas.



publicado por pjmcs às 21:43
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

Quarta-feira, 27 de Outubro de 2004
Próximo Jogo
CF "OS Belenenses" X Boavista FC - Domingo, 31 de Outubro de 2004, às 18h.
Estádio do Restelo, em Lisboa.

O Boavista vai procurar, na difícil deslocação ao Restelo, recuperar do percalço caseiro frente ao Estoril, tentando fazer um jogo parecido com o que protagonizou em Leiria.


publicado por pjmcs às 19:00
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

Alverca 0 - Boavista 1 (4.ª Eliminatória da Taça de Portugal)

Alverca - Ernesto; Marco Airosa (Vargas, aos 62min), Comboio, Pedro Neves e Júnior; Diogo, Paulo Filipe e Bruno Militão; Celson (Nuno Curto, aos 78min), Carolo e Osvaldo


Treinador: José Lima


Boavista - Khadim; Hélder Rosário, Cadú, Éder e Milhazes; Tiago e André Barreto (Guga, aos 66min); Martelinho (João Pinto, aos 78min), Lucas e José Manuel (Frechaut, aos 66min); Cafú


Treinador: Jaime Pacheco


O Boavista apurou-se para os 16 avos-de-final da Taça de Portugal, depois de ter vencido, em Sacavém, o Alverca por 1-0. Martelinho, aos 48min, apontou o único golo de uma partida em Jaime Pacheco deixou jogadores como João Pinto e Carlos Fernandes no "banco". O encontro ficou marcado por duas expulsões, uma para cada lado, ambas por acumulação de cartões amarelos: primeiro Carolo, para os ribatejanos, aos 71min, e, 12 minutos a seguir, foi a Lucas a quem o árbitro do jogo exibiu a cartolina vermelha.



publicado por pjmcs às 17:44
link do post | comentar | favorito
|

Domingo, 24 de Outubro de 2004
Próximo Jogo
FC Alverca X Boavista FC - Quarta-feira, 27 de Outubro de 2004, às 15 horas.
Estádio do Sacavenense.

O Boavista vai defrontar o Alverca na 4.ª feira, em jogo a contar para a 4.ª eliminatória (32 avos de final) da Taça de Portugal, competição que o nosso clube já conqusitou por cinco vezes.


publicado por pjmcs às 21:31
link do post | comentar | favorito
|

Boavista 0 - Estoril 0

Boavista - Khadim; Hélder Rosário, Cadú, Éder (Martelinho, aos 69min) e Carlos Fernandes (Diogo Valente, aos 75min); Tiago, Toñito (Felipe Flores, ao intervalo) e André Barreto; João Pinto, Nélson e Zé Manel


Treinador: Jaime Pacheco


Estoril - Jorge; Rui Duarte, Buba, Dorival e João Pedro; Elias, Pinheiro e N'Doye (Maurel, aos 72min); Torres (Fellahi, aos 67min), João Paulo (Hugo Santos, aos 72min) e Arrieta


Treinador: Litos


O Boavista voltou a perder, mais uma vez, unicamente por demérito próprio, pontos em casa, desta feita perante uma frágil equipa do Estoril. Os "axadrezados" até começaram bem o jogo, criando, logo no primeiro quarto-de-hora, duas grandes ocasiões de golo: na primeira, boa combinação entre Zé Manel e Toñito, com este último a cruzar, de pé esquerdo, para João Pinto, que, em frente da baliza, rematou por cima; na segunda, inverteram-se os papéis, com um grande passe do número 12 do BFC a desmarcar o médio espanhol, que se deixou antecipar por Jorge. Contudo, pouco a pouco, o Boavista ia perdendo fulgor, muito por culpa da sua desorganização no terreno de jogo: Toñito, que se previa que fosse o organizador de jogo, descaía para a esquerda, Nélson não apoiava convenientemente Hélder Rosário e André Barreto denotava alguma lentidão. Deste modo, o Boavista perdia o duelo a meio-campo. No entanto, foi, mesmo assim, do nosso clube a derradeira oportunidade da primeira parte: João Pinto, com um belo golpe de cabeça, junto ao relvado, obrigou Jorge a uma excelente defesa. O intervalo chegava com a sensação de que o Boavista, não obstante ter, apenas a espaços, praticado bom futebol, merecia a vantagem. Pacheco decidiu trocar Toñito por Flores, de modo a ganhar uma referência no ataque. O segundo tempo iniciou com outra flagrante ocasião para o BFC abrir o marcador: Nélson centra na direita, Flores, de cabeça, toca na bola, desmarcando Zé Manel, que remata muito perto da baliza de Jorge, dando a sensação de golo na bancada. Todavia, o Boavista foi perdendo fulgor e nem mesmo a expuslão (correcta) de Arrieta animou a equipa boavisteira. O Estoril abdicou do ataque e o nosso clube não conseguiu aproveitar a vantagem numérica. A circulação era realizada de forma muito lenta e apenas João Pinto e Zé Manel procuravam fornecer maior interesse ao encontro. Nélson, agora na esquerda, não mostrava muito pouco esclarecimento, no mesmo flanco, Carlos Fernandes falhava muitos passes e André Barreto era demasiado individualista. Faltava, também, um distribuidor de jogo no centro para auxiliar João Pinto. Porém, apesar de exibição "axadrezada" deixar muito a desejar, o golo justificava-se, não fossem as escandalosas perdidas na grande área adversária; a título de exemplo, fica um canto na sequência do qual se encontravam 3 (!) jogadores do BFC em excelente posição para marcar, com o lance a terminar com um remate muito por cima de João Pinto. O Estoril, como já foi referido, defendia extremamente perto da sua grande área, mas, aos 82min, enviou uma bola à barra, na sequência de um canto. Seria um prémio exacerbado para o Estoril. Destaque ainda para o lance que fechou a partida, o qual deu, por breves instantes, a esperança de que o marcador fosse finalmente inaugurado: por intermédio de Cadú, os "axadrezados" introduziram, finalmente, o esférico dentro da baliza "canarinha", mas o defesa-central ex-Paços de Ferreira estava em posição irregular. Este empate castiga a má organização do Boavista em campo e, principalmente, as flagrantes ocasiões desperdiçadas.



publicado por pjmcs às 21:28
link do post | comentar | favorito
|

Sexta-feira, 22 de Outubro de 2004
Antevisão do Boavista X Estoril

Boavista - Khadim; Hélder Rosário, Cadú, Éder e Carlos Fernandes; Tiago, Toñito e André Barreto; João Pinto, Nélson e Zé Manel


Treinador: Jaime Pacheco


Estoril - Jorge; Rui Duarte, Dorival, Buba e João Pedro; Elias, Pinheiro e N'Doye; Torres, João Paulo e Torres


Treinador: Litos



O Boavista no seu regresso ao jogos em casa, vai receber a formação do Estoril, que já conseguiu pontuar no terreno do campeão europeu. Jaime Pacheco deverá repetir a equipa que deu espectáculo em Leiria. André Barreto, Toñito e João Pinto terão a função de lançar os rápidos dois homens da frente, Zé Manel e Nélson. Mais atrás, Tiago será o recuperador de jogo, encarregando-se, também, da marcação individual a Pinheiro (jogador dotado de um forte remate). Na defesa, Hélder Rosário deverá continuar no lado direito da defesa (Nélson, por vezes, terá de recuar de modo a auxiliar a fechar esse flanco), fazendo a marcação a Arrieta. No outro lado, Carlos Fernandes encarregar-se-á de fechar os espaços a Torres (também poderá jogar Yuri), Éder e Cadú serão os centrais. O Boavista deve ter atenção às subidas do esquerdino N'Doye, que, apesar de ser um médio-defensivo, aparece amiúde com perigo na grande área adversária. De realçar também o regresso de Ali, Yuri e João Paulo ao Estádio do Bessa Século XXI, jogadores que, não obstante os seus serem propriedade do nosso clube, poderão defrontar esta noite o BFC se o treinador Litos assim o entender. FORÇA BOAVISTA!!!



publicado por pjmcs às 14:59
link do post | comentar | favorito
|

Segunda-feira, 18 de Outubro de 2004
Próximo Jogo
Boavista FC X GD Estoril Praia - Sexta-feira, 22 de Outubro de 2004, às 21h30min.
Estádio do Bessa Século XXI.

O Boavista, extremamente moralizado pela brilhante vitória de ontem, vai procurar, na recepção a um Estoril que já provou que pode criar muitas dificuldades (empatou 2-2 no Estádio do Dragão, após ter estado por duas vezes na liderança do marcador), consolidar a sua posição nos lugares cimeiros da Superliga.


publicado por pjmcs às 15:48
link do post | comentar | favorito
|

U. Leiria 0 - Boavista - 3

U. Leiria Helton; Laranjeiro, João Paulo, Renato e Alhandra (Fredy, aos 76min); Otacílio (Fangueiro, aos 56min), Paulo Gomes, Edson e Caíco; Krpan e Fábio Felício


Treinador: Vítor Pontes


Boavista - Khadim; Hélder Rosário, Cadú, Éder e Carlos Fernandes; Toñito (Lucas, aos 71min), Tiago e André Barreto; João Pinto (Martelinho, aos 74min), Nélson e Zé Manel (Diogo Valente, aos 83min)


Treinador: Jaime Pacheco


Mas que grande vitória! O Boavista foi vencer por três golos sem resposta na sempre difícil deslocação a Leiria. Três tentos espectaculares (dois de Zé Manel e um de André Barreto) selaram o fantástico triunfo "axadrezado", num encontro em que Jaime Pacheco fez algumas alterações na equipa principal, dando pela primeira vez a titularidade a Toñito e Nélson.



publicado por pjmcs às 14:48
link do post | comentar | favorito
|

Domingo, 17 de Outubro de 2004
Antevisão do U. Leiria X Boavista

U. Leiria Helton; Laranjeiro, João Paulo, Renato e Alhandra; Otacílio, Paulo Gomes, Edson e Caíco; Krpan e Fábio Felício


Treinador: Vítor Pontes


Boavista - Khadim; Hélder Rosário, Cadú, Éder e Carlos Fernandes; Lucas, Tiago e André Barreto; João Pinto, Zé Manel e Felipe Flores


Treinador: Jaime Pacheco


O Boavista tem hoje, no regresso da Superliga, um difícil encontro em Leiria, no qual vai procurar inverter a tendência negativa dos últimos três jogos, em que somou apenas um ponto. A União de Leiria deverá repetir o 4-4-2 que apresentou no empate em Alvalade, com um losango no meio-campo, constituído por Otacílio, que deverá fazer a marcação individual a João Pinto, Paulo Gomes, Edson, este com a função de distribuir jogo (o Boavista deve evitar as faltas à entrada da área, uma vez que Edson é, como se sabe, um especialista nestes lances) e Caíco, o criativo da equipa, podendo, nas jogadas de ataque, decair para o flanco direito. Na frente, jogarão Fábio Felício (que marcou frente ao Sporting) e Krpan, avançado que se movimenta muito bem na grande área. No nosso Boavista, Jaime Pacheco vai fazer algumas alterações. Se Khadim deverá manter a titularidade, as mudanças deverão começar logo no sector defensivo, com a saída de Frechaut, que protagonizou fracas actuações nos recentes confrontos, e o regresso de Éder. Hélder Rosário deverá passar para a direita, podendo funcionar como terceiro central, de modo a conceder poucos espaços a Fábio Felício, permitindo que Éder ou Cadú fiquem "livres". Mais à frente, uma dúvida: Lucas, Toñito, Nélson ou Martelinho; só um dos quatro será titular. Se Pacheco apostar num dos dois primeiros, o BFC jogará em 4-4-2, com João Pinto ou Flores a descair para a direita do ataque; caso o treinador "axadrezado" coloque um dos dois últimos, o sistema táctico será o 4-3-3. Certo é que, dos quatro, quem jogar terá a função de, também, ajudar a fechar o lado direito da defesa quando o Leiria estiver a atacar. Na frente, João Pinto auxiliará Zé Manel e Felipe Flores (poderá recuperar a titularidade). FORÇA BOAVISTA!!!


 



publicado por pjmcs às 13:23
link do post | comentar | favorito
|

Próximos Jogos

Sp. CovilhãxBoavista

(25/01; 16:00) - 15.ª Jornada

artigos recentes

Boavista FC 2 - 0 Estoril

Santa Clara 3 - Boavista ...

Boavista FC 2 - 0 U. Leir...

SC Freamunde 2 - 0 Boavis...

Boavista FC 1 – 2 SC Beir...

BOAVISTA FC 0 - 2 GUIMARÃ...

Feirense 2 - 0 Boavista F...

Boavista FC 1 - 0 Oliveir...

BOAVISTA FC 1 - 0 LOUSADA

Boavista FC 1 - 1 D. Aves

Imagens Recebidas
Galeria de Imagens
arquivos

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Abril 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Dezembro 2004

Novembro 2004

Outubro 2004

Setembro 2004

Agosto 2004

Julho 2004

Junho 2004

Maio 2004

Abril 2004

Março 2004

Fevereiro 2004

Janeiro 2004

ligações

pesquisar