Sábado, 15 de Setembro de 2007
Boavista X Leixões - Antevisão

 

Equipas prováveis:

Boavista - Carlos; Rissutt, Ricardo Silva, Marcelão e Jorge Ribeiro; Fleurival, Diakité e Ivan Santos; Mateus, Bangoura e Rafal Grzelak

Treinador - Jaime Pacheco

Leixões - Beto; Marco Cadete, Nuno Diogo, Elvis e Ezequias; Bruno China, Jorge Duarte e Paulo Machado; Filipe Oliveira, Roberto e Nwoko

Treinador - Carlos Brito

Depois de uma semana de paragem na Liga, na qual o Boavista realizou um estágio com vista a dar maior entrosamento à equipa e a integrar os recentes reforços Jorge Ribeiro e Zé Kalanga, os"axadrezados" vão, diante de um Leixões que tem deixado muito boas indicações neste regresso ao 1.º escalão do futebol nacional, tentar a primeira vitória em jogos oficiais esta época. E vão tentar esse objectivo num Estádio do Bessa Século XXI que deverá registar uma boa casa (em comparação com o que tem acontecido nos tempos mais recentes) para receber um "derby" do grande Porto que, desde os anos 80, tem estado arredado dos grandes palcos.

 

Para o jogo de hoje, Jaime Pacheco deverá manter o 4-3-3, embora se preveja que este tenha uma maior dinâmica ofensiva, com a saída de Olufemi e a inclusão de um criativo no meio-campo, reflectindo o que se passou no último quarto-de-hora em Paços de Ferreira (em que o Boavista, contando com a maior capacidade de improvisação decorrente das entradas de Grzelak e Ivan Santos, surgiu muito mais acutilante). Assim, o eleito deverá ser Ivan Santos, que mostrou capacidade para desequilibrar frente ao Paços de Ferreira (podendo, também, combinar com os extremos e abrir espaços pelas alas), se bem que Pacheco possa optar por um "número 10" mais típico, mais vocacionado para o passe e a organização de jogo, lançando um dos sérvios, Gajic ou Bosancic. No ataque, se Bangoura é a opção natural para o centro e Mateus parece ter ganho, no último encontro, lugar numa das alas, fica a dúvida sobre quem jogará na outra faixa. Grzelak é uma opção lógica, até porque entrou, também ele, bem em Paços de Ferreira (podendo, igualmente, fazer combinações e trocas de posição com o criativo da equipa, como aconteceu com Ivan Santos frente aos "castores"), mas o recém-chegado Zé Kalanga, que é um extremo que dá grande profundidade e verticalidade ao jogo pelas alas (gosta de jogar junto à linha e procurar situações de cruzamento), também se afigura como alternativa. Na defesa, a inclusão de Jorge Ribeiro no lado esquerdo é quase certa, enquanto que, no lado direito, Gilberto tem sido titular, no entanto, Rissut, agora com níveis físicos mais próximos do desejado, poderá, muito bem, ser a escolha para o "onze".

Quanto ao Leixões, Carlos Brito, de regresso ao Estádio do Bessa Século XXI, terá de encontrar alternativas, dentro do seu esquema de 4-3-3, para as ausências dos habituais titulares Vierinha, Jorge Gonçalves e Pedro Cervantes. Se o lugar de Cervantes deverá ser preenchido por Bruno China (embora Carlos Brito, numa opção mais arrojada, possa lançar Livramento para a posição de médio-interior direito, dando a Paulo Machado, médio-interior do lado oposto, maiores responsabilidades defensivas e menor liberdade para organizar o ataque). Nas alas do ataque, Filipe Oliveira e Nwoko deverão ser as apostas, apesar de o esquerdino Hugo Morais poder ser uma alternativa. De destacar, no Leixões, as movimentações ofensivas de Paulo Machado, médio inteligente na ocupação dos espaços, capaz de distribuir jogo e de aparecer no flanco esquerdo do ataque, aproveitando as diagonais do extremo da daquele lado, que deverá ser Nwoko (o qual, no jogo com o Benfica, apareceu muito bem nas "costas" do ponta-de-lança quando marcou o golo do empate).

Tratar-se-á de uma partida na qual a luta pelo domínio das operações a meio-campo será fundamental. Além de procurar ganhar essa "batalha", o Boavista terá de encontrar soluções que lhe permitam a transição para o ataque jogando o esférico junto ao relvado, explorando as faixas (onde tem variadas opções, além de que pode apresentar dois laterais com grande pendor ofensivo, Jorge Ribeiro e Rissut) e tentando, através das subidas dos médios, ter homens no apoio directo ao ponta-de-lança Bangourá. Convém acrescentar que, em termos defensivos, o Boavista não pode cometer os erros crassos que teve no golo do Paços de Ferreira (um só elemento mais recuado para o contra-ataque adversário num canto a favor do BFC foi uma falha grave) e no segundo golo do Marítimo no Bessa. Para terminar, o Notícias do Bessa pede um bom apoio dos boavisteiros à equipa, num desafio em que uma rivalidade há algum tempo "adormecida" se deverá notar.

FORÇA BOAVISTA!!!



publicado por pjmcs às 11:59
link do post | comentar | favorito
|

1 comentário:
De Julio Gonçalo a 15 de Setembro de 2007 às 15:00
Aposto mais na equipa das "segundas soluçoes"... Mas com o Pacheco nunca se sabe!!!!!! Por mim o 11 era: Carlos,Rissut,R.Silva,Marcelão,J.Ribeiro,Diakite,Fleurival,Bosancic,Grezlak,Mateus e Bangoura mas quase q aposto q nao vai ser este...


comentar artigo

Próximos Jogos

Sp. CovilhãxBoavista

(25/01; 16:00) - 15.ª Jornada

artigos recentes

Boavista FC 2 - 0 Estoril

Santa Clara 3 - Boavista ...

Boavista FC 2 - 0 U. Leir...

SC Freamunde 2 - 0 Boavis...

Boavista FC 1 – 2 SC Beir...

BOAVISTA FC 0 - 2 GUIMARÃ...

Feirense 2 - 0 Boavista F...

Boavista FC 1 - 0 Oliveir...

BOAVISTA FC 1 - 0 LOUSADA

Boavista FC 1 - 1 D. Aves

Imagens Recebidas
Galeria de Imagens
arquivos

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Abril 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Dezembro 2004

Novembro 2004

Outubro 2004

Setembro 2004

Agosto 2004

Julho 2004

Junho 2004

Maio 2004

Abril 2004

Março 2004

Fevereiro 2004

Janeiro 2004

ligações

pesquisar