Sexta-feira, 3 de Novembro de 2006
Boavista X Desportivo das Aves - Antevisão

Equipas prováveis:

Boavista - William; Hélder Rosário, Ricardo Silva, Cissé e Mário Silva; Lucas, Tiago e Kazmierczak; Zé Manel, Roland Linz e Grzelak

Treinador: Jaime Pacheco

Outros convocados: Khadim, Léo Tambussi, Essame, Paulo Sousa, Ricardo Sousa, Hugo Monteiro, Zairi e Fary

Desportivo das Aves - Paulo Musse; Sérgio Carvalho, Anilton Júnior, Sérgio Nunes e Bruno Fernandes; Mércio, Filipe Anunciação e Nené; Hernâni, Dill e Xano

Treinador: Prof. Neca

Outros convocados: Rui Faria, William, Vítor Manuel, Jocivalter, Rui Figueiredo, Leandro e Octávio 

No jogo que marca o regresso de Jaime Pacheco ao Estádio do Bessa Século XXI, o Boavista defronta o Desportivo das Aves, num duelo que traz grandes recordações, já que, da última vez em que o BFC recebeu a equipa avense "carimbou"... o título de campeão nacional, na noite de 18 de Maio de 2001. Agora, no entanto, os "axadrezados" vêm de uma crise de resultados que os coloca em posição muito desconfortável e preocupante na tabela classificativa. O Desportivo das Aves também se encontra numa situação muito desfavorável e, tal como o Boavista, encara o jogo de amanhã como uma oportunidade de reverter a série de maus resultados.

Para a recepção à formação minhota, Jaime Pacheco, tendo, em princípio, o 4-3-3 como referência, deverá adicionar uma maior amplitude ofensiva à equipa pelas alas, apostando em dois extremos: o incontornável Zé Manel e, para o outro flanco, Grzelak parece ganhar vantagem, mas quer Hugo Monteiro (que disputou os últimos 20 minutos em Paços de Ferreira), quer, principalmente, Zairi (que regressou à convocatória, o que indicia que Pacheco terá gostado do trabalho desenvolvido pelo marroquino durante a semana). O "sacrificado" deverá ser Ricardo Sousa, apesar de também haver a hipótese de Pacheco arriscar um pouco mais e, continuando Sousa como titular, prescindir de um dos três médios de contenção. Porém, tal cenário parece pouco provável, até porque, jogando com três centrocampistas capazes de lutar pela recuperação do esférico, o treinador do BFC parece apostar nas subidas de Kazmierczak para as "costas" do ponta-de-lança Linz nos lances de bola parada e nas bolas endossadas de forma mais directa, a fim de aproveitar o poderio físico e o forte jogo aéreo do polaco. Continuando a falar do meio-campo, Lucas, face ao provável regresso de Hélder Rosário para o lado direito da defesa, deverá voltar à posição de médio-interior direito, rendendo Paulo Sousa.

Quanto ao Desportivo das Aves, o prof. Neca baseará o jogo da sua equipa no bloqueio dos espaços e linhas de passe à construção ofensiva do Boavista, procurando recuperar o esférico para lançar ataques rápidos (aproveitando, para isso, a velocidade de jogadores como Dill, Hernâni, Xano e Leandro). Fica, todavia, a dúvida sobre se o Aves jogará no habitual 4-3-3 ou apresentará, apenas, dois homens abertos na frente, reforçando o meio-campo com a entrada do experiente Vítor Manuel ou dando maior criatividade à intermediária com a inclusão do nosso bem conhecido Jocivalter.

Para o encontro de amanhã, depois de, não obstante a derrota, a equipa ter denotado algumas (ligeiras) melhorias na deslocação a Paços de Ferreira, espera-se que, com mais tempo de trabalho desenvolvido pelo novo treinador, a equipa se apresente mais solta, com um futebol pautado por uma maior criatividade (de modo a não ser demasiado previsível e, quiçá, entediante para quem assiste) e explorando as faixas e os desdobramentos rápidos para o ataque. Além disso, o BFC não pode repetir os erros graves em termos defensivos dos últimos três encontros, tendo que, para isso, apresentar um melhor posicionamento dos seus laterais e maior capacidade de temporização na entrada à bola por parte dos mesmo (para que os rápidos atacantes avenses não sigam o "exemplo" dado pelo sector ofensivo do Paços de Ferreira) e manter a solidez no eixo da defesa, não se deixando os dois centrais iludir pelas movimentações adversárias.

No momento em que o Boavista atravessa uma fase extremamente delicada, o apoio dos boavisteiros, em mais um jogo em casa, é absolutamente fundamental, para que a equipa fique galvanizada e consiga uma vitória, partindo, assim, para uma recuperação em termos pontuais nesta BwinLiga.

FORÇA BOAVISTA!!!



publicado por pjmcs às 20:13
link do post | comentar | favorito
|

Próximos Jogos

Sp. CovilhãxBoavista

(25/01; 16:00) - 15.ª Jornada

artigos recentes

Boavista FC 2 - 0 Estoril

Santa Clara 3 - Boavista ...

Boavista FC 2 - 0 U. Leir...

SC Freamunde 2 - 0 Boavis...

Boavista FC 1 – 2 SC Beir...

BOAVISTA FC 0 - 2 GUIMARÃ...

Feirense 2 - 0 Boavista F...

Boavista FC 1 - 0 Oliveir...

BOAVISTA FC 1 - 0 LOUSADA

Boavista FC 1 - 1 D. Aves

Imagens Recebidas
Galeria de Imagens
arquivos

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Abril 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Dezembro 2004

Novembro 2004

Outubro 2004

Setembro 2004

Agosto 2004

Julho 2004

Junho 2004

Maio 2004

Abril 2004

Março 2004

Fevereiro 2004

Janeiro 2004

ligações

pesquisar