Domingo, 24 de Setembro de 2006
Boavista X Académica - Antevisão

Equipas prováveis:

Boavista - William; Hélder Rosário, Ricardo Silva, Cissé e Mário Silva; Tiago; Ricardo Sousa e Kazmierczak; Zé Manel, Roland Linz e Grzelak

Treinador: Zeljko Petrovic

Outros convocados: Khadim, Bessa, Fernando Dinis, Essame, Lucas, Zairi e Fary

Académica - Pedro Roma; Sonkaya, Litos, Medeiros e Lino; Pavlovic, Roberto Brum e Alexandre; Miguel Pedro, Gyano e Hélder Barbosa

Treinador: Prof. Manuel Machado

Outros convocados: Douglas, Káká, Vítor Vinha, Paulo Sérgio, Nuno Piloto, Filipe Teixeira, Sarmento, Nestor Alvarez e Dame N'Doye

O Boavista recebe, hoje à noite, a Académica, num duelo de grandes tradições no primeiro escalão do futebol nacional, face ao historial dos dois emblemas. Depois da inesperada derrota, na última terça-feira, em Setúbal, os "axadrezados" vão querer redimir-se e procurar repetir a excelente actuação frente ao Benfica. Os "estudantes", por sua vez, apesar de ainda não terem ganho, registaram uma melhoria exibicional no seu derradeiro compromisso (empate 1-1 com o Belenenses, em Coimbra).

Para o encontro de hoje, é bastante provável que Zeljko Petrovic opere algumas mudanças na equipa, no sentido de dar maior criatividade à manobra ofensiva do Boavista. Nesse sentido, Ricardo Sousa surge como uma hipótese muito consistente, rendendo Lucas. O BFC passaria, assim, a actuar num 4-3-3 com nuances diferentes das que apresentou nas três primeiras partidas do campeonato, uma vez que, quando tiver a bola, é Ricardo Sousa que sobe no terreno para jogar no apoio ao ponta-de-lança Linz, ficando Kazmierczak com menos liberdade para os movimentos de ruptura sem bola. Além disso, passaria a ser pedida uma maior capacidade de sacrifício a Zé Manel, que teria de auxiliar o lateral-direito nas tarefas defensivas, já que o flanco direito deixaria de contar com o "suporte" conferido por Lucas Quando a posse do esférico for perdida para o adversário, será essencial que Ricardo Sousa seja tacticamente disciplinado e recue para o vértice direito do meio-campo, de modo a impedir que a Académica disponha de tempo e espaço para construir o seu jogo de forma apoiada. A outra possível mudança poderá passar pela inclusão de Bessa (lateral-direito de raiz, mais ofensivo do que Hélder Rosário), o que implicaria a saída de um dos centrais (Ricardo Silva ou Cissé), que não se destacaram pela positiva em Setúbal, passando Hélder Rosário para o eixo defensivo, ou, mesmo, do próprio Hélder Rosário.

Quanto à Académica, face à ausência de Gelson (que actuou como segundo ponta-de-lança, nas "costas" de Gyano, frente ao Belenenses), é provável que o prof. Manuel Machado (que gosta que as suas equipas controlem o sector intermediário do terreno) opte por mudar o 4-2-3-1 para um 4-3-3 com um meio-campo reforçado pela entrada de Alexandre (médio incansável na luta pela recuperação da bola) ou de Nuno Piloto. No entanto, também não é de descartar a possibilidade de o técnico academista lançar o criativo Filipe Teixeira (que, assim, seria o responsável pela organização do jogo ofensivo da formação coimbrã) ou Nestor Alvarez, que actuaria com funções semelhantes às de Gelson, no apoio a Gyano. Na frente, Hélder Barbosa e Miguel Pedro são dois extremos rapidíssimos e irreverentes (à atenção, portanto, da defensiva boavisteira) e Gyano deverá ser a referência, muito embora possa ser relegado para o "banco", caso Manuel Machado, jogando no 4-3-3 atrás referido, se decida pela inclusão de um avançado mais móvel (Nestor Alvarez). Dame N'Doye, avançado muito possante, também "espreita" a titularidade.

Num encontro que se antevê de grande dificuldade, não só devido aos bons valores que existem no plantel da Académica, mas também face à inteligência táctica de Manuel Machado, que, jogando fora de casa, procura sempre dar consistência a meio-campo às suas equipas, para, depois, lançarem perigos e oportunos contra-ataques (foi, precisamente, o que aconteceu quando o Boavista recebeu, na época passada, o Nacional - anterior equipa do treinador minhoto), a "Pantera" terá de ter a mesma atitude competitiva do último desafio disputado em casa, sabendo fechar os espaços ao adversário e sair para o ataque com transições rápidas e eficazes. Terá de corrigir os erros cometidos em Setúbal, procurando explorar ambas as faixas na sua iniciativa ofensiva e apresentar criatividade no meio-campo, ao invés de recorrer a lançamentos longos directamente para o ponta-de-lança, o que facilitaria imenso a tarefa aos dois centrais academistas (e Litos - um regresso muito especial ao Bessa - é um especialista no jogo aéreo). Além disso, os elementos do sector defensivo terão de apresentar uma total concentração durante os 90 minutos da partida, já que o golo sofrido na terça-feira resultou de uma desatenção generalizada da defesa. Não esquecer, também, que muito do jogo ofensivo da Académica passa pelos dois extremos (Hélder Barbosa e Miguel Pedro) e, portanto, será essencial que a sua zona de acção seja encurtada ao máximo, de modo a impedir que os mesmos penetrem na grande área ou tirem cruzamentos para o ponta-de-lança (Gyano/Nestor/Dame). Caso a Académica jogue no 4-2-3-1 dos últimos encontros, o Boavista terá de ter muita atenção às segundas bolas (já que, nesse esquema, a Académica joga com um avançado móvel nas "costas" de um ponta-de-lança mais fixo).

Para terminar, apesar de a hora do jogo não ser muito convidativa, o Notícias do Bessa apela aos boavisteiros que compareçam em excelente número no Estádio do Bessa Século XXI, a fim de apoiarem a equipa num duelo em que a conquista dos três pontos é extremamente importante.

FORÇA BOAVISTA!!!



publicado por pjmcs às 12:51
link do post | comentar | favorito
|

5 comentários:
De Julio gonçalo a 24 de Setembro de 2006 às 14:43
Eu vou lá estar! Espero ver o meu Boavista mais acutilante e para isso é provável que o Ricardo Sousa tenha de entrar. Quanto ao defesa direito penso que neste jogo se devia continuar com o Helder Rosario e os dois centrais dos tres jogos já que o jogo ofensivo da Académica passa muito pelo extremo Heelder Barbosa. Luta e confiança para uma vitoria muito importante é o que se pede aos nossos jogadores. Parabens pjmcs pelo excelente trabalho e analise, um verdadeiro Boavisteiro como todos deveriam ser. Força Boavista Paixão ao quadrado


De Rui Amaral a 26 de Setembro de 2006 às 16:08
Foi um péssimo jogo do Boavista. Não quero ser pessimista, mas creio que vai ser muito difícil chegarmos ao 5.º lugar no final da época. O Boavista é uma equipa à deriva. Sem fio de jogo, sem lógica, muito trapalhona. É algo difícil de aceitar tendo em conta a qualidade de vários dos nossos jogadores. A Académica e o Setúbal são equipas pouco mais do que banais. Mas nós também ficamos muito mal na fotografia. Já poucos acreditam neste Boavista. A começar pelos nossos próprios adevrsários. E quando os nossos adversários não nos temem, é um ponto contra nós. no final do jogo, o Petrovic disse que a equipa tinha revelado muita força, muito carácter e patati-patatá. Um treinador credível deveria ter reconhecido que um empate em casa com a Académica é o mesmo que uma derrota. Este tipo de postura não augura nada de bom. Estou muito triste com o meu Boavista.


De Luís Filipe Ramos a 28 de Setembro de 2006 às 15:09
Concordo plenamente, Rui!
E isto ainda é mais incompreensível depois de uns contundentes 3-0 ao Benfica. Sim, porque fizémos um jogo absolutamente espectacular, ninguém nos fez qualquer favor! E agora é isto! Como é possível mudar assim da noite para o dia? !:S


De Luís Filipe ramos a 28 de Setembro de 2006 às 15:20
Eu acho é que está na altura de Petrovic escalar um onze diferente. Não com muitas alterações, mas este 11 já joga há quatro jogos consecutivos...e se as coisas correram mal nos últimos dois jogos com exibições paupérrimas está na hora de mudar qualquer coisa, não acham?


De Rui Amaral a 28 de Setembro de 2006 às 16:39
Talvez tenha razão, Luís. De qualquer maneira, foi justamente esta equipa que fez o jogo contra o Benfica. E muitos dos jogadores do actual onze são bons. Na minha opinião, esta é provavelmente a nossa melhor equipa desde 2001... O que torna este resultados ainda mais difíceis de engolir.


comentar artigo

Próximos Jogos

Sp. CovilhãxBoavista

(25/01; 16:00) - 15.ª Jornada

artigos recentes

Boavista FC 2 - 0 Estoril

Santa Clara 3 - Boavista ...

Boavista FC 2 - 0 U. Leir...

SC Freamunde 2 - 0 Boavis...

Boavista FC 1 – 2 SC Beir...

BOAVISTA FC 0 - 2 GUIMARÃ...

Feirense 2 - 0 Boavista F...

Boavista FC 1 - 0 Oliveir...

BOAVISTA FC 1 - 0 LOUSADA

Boavista FC 1 - 1 D. Aves

Imagens Recebidas
Galeria de Imagens
arquivos

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Abril 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Dezembro 2004

Novembro 2004

Outubro 2004

Setembro 2004

Agosto 2004

Julho 2004

Junho 2004

Maio 2004

Abril 2004

Março 2004

Fevereiro 2004

Janeiro 2004

ligações

pesquisar